Randomizando #12: our work is never over… or is it?

Um pequeno resumo do que aconteceu nesse antes-durante-e-depois da folia momesca, incluindo a capa do disco do MGMT (WIN), Broken Social Scene, bandas Nova Iorquinas, novas do Romulo Fróes, clipe doido do Vampire Weekend e o the morning benders, sua nova banda favorita.

Fica com a gente, fica?

Broken Social Scene: nome, capa, e single

Chama-se “Forgiveness Rock Record” o quarto disco do coletivo canadense Broken Social Scene, que será lançado na fora nos primeiros dias de maio. A capa esquisita é essa acima e o primeiro single, “World Sick”, simplesmente sensacional, pode ser baixado dando seu e-mail para o botão rosa abaixo.

Novas do Romulo Fróes – “Jardineira” e “Muro”

Dono do nosso disco nacional preferido de 2009, Romulo Fróes fez show na última quinta no projeto Versão Brasileira, que ele organiza desde o início de fevereiro em parceria com a Agência Alavanca. A idéia é levar o melhor da música brasileira atual ao CB Bar, tradicional reduto rocker da Barra Funda.

No show, que tinha como convidado o amigo Rodrigo Campos, Romulo apresentou duas músicas inéditas, “Jandineira” e “Muro”, que você pode ouvir abaixo nos vídeos feito pelo Marcelo Costa, do Scream & Yell.

Ainda não confirmei com o próprio, mas as duas faixas devem estar no disco que Romulo pretende gravar ainda em 2010 e que, como ele me revelou numa entrevista incrível ainda a ser publicada por aqui, deve ser um álbum bastante diferente das 2 horas e 33 faixas de “No Chão Sem O Chão”, algo bem direto (14 músicas no máximo) e gravado quase ao vivo no estúdio. Enfim, expectativas no alto.

Classe “NY 2000” de volta: os novos do Interpol, Rapture e Strokes

Passados 10 anos da “primeira onda de hype” que direcionou os ouvidos de todo mundo para cidade, Nova Iorque continua recebendo grande parte de nossa atenção graças a geração de Grizzly Bear, Dirty Projectors, TVOTR, Yeasayer, Vampire Weekend etc.

Mesmo assim, 2010 deve marcar o retorno ao holofotes de três “filhos pródigos” da cidade: Interpol, Strokes e Rapture.

Os boatos que o quarto disco do Interpol estaria sendo gravado já eram bem reais em 2009, mas agora parecem quase certos, com a banda fazendo mistério em seu site oficial com a imagem acima.

Já os Strokes, que estavam no grava-não-grava o quarto álbum há anos, finalmente entraram em estúdio (ainda sem Julian) em janeiro e, como prometido, nos mostraram um pouco do clima das gravações nesse simpático vídeo.

Por fim, o Rapture (agora sem o baixista Mattie Safer) está atualmente em Paris, gravando o sucessor de “Pieces Of The People We Love” com o produtor Philippe Zdar, membro do Cassius e colaborador frequente do Phoenix (foi o produtor de “United” e “Wolfgang Amadeus Phoenix”). A banda deu um bom update de como estão sendo as gravações do álbum (que eles “adorariam lançar em junho ou julho”) para Pitchfork, dizendo que o álbum deve lembrar mais o som de “Echoes”, mesmo não sendo composto apenas de canções dançantes.

the morning benders: o “novo Fleet Foxes”?

Interessante o que aconteceu nessas semanas com os californianos do the morning benders. Eram quase nada – a ficha de serem produzidos pelos Chris Taylor do Grizzly Bear e lançarem pela mesma True Panther Sounds do Girls não tinha caído – e depois desse vídeo incrível para o single “Excuses”, se tornaram, sem dúvida nenhuma, a banda da semana em blogs, twitter e afins.

http://vimeo.com/moogaloop.swf?clip_id=8322868&server=vimeo.com&show_title=0&show_byline=1&show_portrait=0&color=d05ae8&fullscreen=1

Daí que a história me lembrou um pouco o que aconteceu com o Fleet Foxes em 2008, que depois de um review elogioso da Pitchfork (postado numa sexta-feira, véspera de feriado), virou a grande sensação do ano quando o mundo descobriu que tanto o EP “Sun Giant” quanto o disco homônimo (que só seria lançado 4 meses depois) já tinham vazados e eram uma das coisa mais fascinantes daquele ano.

O som das duas bandas não é tão parecido assim (apesar de algumas semelhanças), mas o hype é bastante similar. O disco onde podemos achar “Excuses”, “Big Echo” (segundo da banda), acabou vazando dias depois do vídeo ter aparecido. Daí fica a pergunta: seria o the morning benders a banda que 2010 estava precisando?

Novas da Janelle Monáe – “Tightrope” e “Cold War”

Incluída na nossa lista de Nomes Para Ficar Ligado Em 2009, Janelle Monáe passou o ano apenas colhendo os frutos que o seu primeiro lançamento, o mini-álbum “Metropolis: The Chase Suite”, tinha lhe trazido. Agora com a Warner por trás e padrinhos de peso (OutKast, Prince e Diddy), Janelle está com munição sobrando para gastar na segunda e terceira “suites” de sua “Metropolis”, que vão ser lançadas sobre o nome de “The ArchAndroid”.

O projeto todo é bem doido por si só e ainda tem participações de Kevin Barnes do of Montreal (ela também participa do vindouro álbum da banda), Saul Willians e Big Boi do OutKast, que aparece no ótimo primeiro single “Tightrope”.

[Streaming] Janelle Monáe – Tightrope e Cold War

Ainda…

Animal Collective enlouquecendo o Museu Guggenheim
Rufus Wainwright volta com “All Days Are Nights: Songs For Lulu”
Nova do She & Him – “Thieves”
O EP carnavalesco do João Brasil
Duo de folk de Curutiba, Rosie & Me lança o primeiro EP
Kate Nash voltou. E melhorada.
Japandroids lançando série de singles
The Fall lança disco novo
Antes de falir/ser comprada pela Time Warner, a EMI vai vender do Abbey Road Studios?
Nova do Flying Lotus – “Computer Face//Pure Being”
Placebo vira o “Jimmy Cliff indie” e volta para 4 shows no Brasil
The Pipettes apresentam nova formação com “Our Love Was Saved By A Spaceman”

Vídeos

Vampire Weekend, Joe Jonas, Jake Gyllenhaal, RZA e Lil John – “Giving Up The Gun”
http://o.aolcdn.com/videoplayer/AOL_PlayerLoader.swf

Caribou – “Odessa”
http://assets.delvenetworks.com/player/loader.swf

Shearwater – “Hidden Lakes”

Dirty Projectors & Solange Knowles – “Stillness Is The Move (ao vivo em NY)”

The Futureheads – “Heartbeat Song”

Erykah Badu feat. Lil Wayne – “Jump Up In The Air (Stay There)”

Passion Pit – “Little Secrets”
http://www.mtvu.com/player/embed/

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Randomizando #12: our work is never over… or is it?

  1. Mateus disse:

    Solange Knowles enche o saco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s