Nova d’Os Mutantes – “Teclar”

Os Mutantes

Música nova d’Os Mutantes. Ou o que sobrou deles. Da formação original, somente Sérgio Dias. Nada de Arnaldo Baptista, nada de Rita Lee. Dinho Leme, baterista no final dos anos 60 e começo dos anos 70, também está na banda atualmente. A música faz parte do disco “Haih”, que deve sair no dia 8 de setembro pela Anti-.

Teclar” pode ser baixada no site da Pitchfork. A sonoridade é totalmente psicodélica, setentista. Com bandas atuais como MGMT bebendo nesta fonte, nada mais justo que Os Mutantes soltem um disco novo. Mas é impossível não se lembrar da frase de Johhny Rotten, depois de um show dos Sex Pistols: “Alguma vez vocês já tiveram a sensação de terem sido enganados?”

[MP3] Os Mutantes – Teclar

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

6 respostas para Nova d’Os Mutantes – “Teclar”

  1. leandro disse:

    “Alguma vez vocês já tiveram a sensação de terem sido enganados?”
    Sim, me sinto enganado toda vez que vejo falta de personalidade na crítica artistica,
    se Pitchfork diz alguma coisa, então todos os blogueiros dizem a mesma coisa.

    Esta falta de personalidade me incomoda e me sinto enganada.

    Mas como dizia o Raul Seixas, a formiga só trabalha porque não sabe dançar”
    Vide críticos musicais, ora, se tens o domínio musical então se exponha e grave discos!

    Ou então pelo menos escute o disco por inteiro e depois julgueo.

    Tudo bem, és inseguro na disseratação, então aguarde um próximo texto de fora
    para se pautar.

  2. leandro disse:

    —-Com correções—-
    “Alguma vez vocês já tiveram a sensação de terem sido enganados?”
    Sim, me sinto enganado toda vez que vejo falta de personalidade na crítica artistica,
    se Pitchfork diz alguma coisa, então todos os blogueiros dizem a mesma coisa.

    Esta falta de personalidade me incomoda e me sinto enganado.

    Mas como dizia o Raul Seixas, a formiga só trabalha porque não sabe dançar”
    Vide críticos musicais, ora, se tens o domínio musical então se exponha e grave discos!

    Ou então pelo menos escute o disco por inteiro e depois julgue-o.

    Tudo bem, és inseguro na disseratação, então aguarde um próximo texto de fora
    para se pautar.

  3. Jon disse:

    “Alguma vez vocês já tiveram a sensação de terem sido enganados?” Acho que é isso aí. Mvtantes copiando Mutantes. Se liga, Sérgio, ainda tem tempo pra vc se aposentar.

  4. luiz paulo disse:

    sim leandro eu também concordo com você,hoje os criticos só estão interessados nos hype(ou seja uk,us)outra coisa que não seja isso esta fora

  5. Israel disse:

    Oi Leandro e Luiz Paulo,

    Desculpem o comment imenso, mas precisava esclarecer umas coisas:

    Respeito a opinião de vocês, mas sou obrigado a discordar. Eu nunca embarco no primeiro hype que aparece. Odeio e desconfio dessas “salvações do rock”, “novo Nirvana”, etc. Pra conhecer bandas novas, prefiro escutar as músicas a ler a NME do mês. Ouvia os extintos Garagem, do Barcinski, Paulão e Álvaro Pereira Jr., o Lado B, do Massari, os programas do Kid Vinil e hoje escuto Rádios Online, o Vida Fodona, do Alexandre Matias (http://www.oesquema.com.br/trabalhosujo/category/vidafodona), além de ler blogs musicais; foi assim que descobri o Bloody Pop.

    A música nova dos Mutantes foi disponibilizada em primeira mão e exclusivamente no Pitchfork. Isso é notícia, não dá para ignorar. Nada mais justo do que linkar a fonte. Mas, se virem meu texto e o da Pitchfork com atenção, verão que um não tem nada a ver com o outro, pelo contrário. Eu colaboro neste blog porque gosto, não sou obrigado. Tudo o que escrevo é fruto do meu trabalho e da minha opinião pessoal.

    Abraços.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s