Arcade Fire, Cee Lo, Black Keys indicados ao Grammy

Eu sei que é estranho, mas eu preciso confessar: eu gosto do Grammy. Podem falar que quase nunca ganha quem merece, que na maior parte as indicações e shows são mais ou menos e que é um prêmio que celebra a parte mais apodrecida da indústria da música. Tudo isso é verdade. Mas como tal qual o Oscar, a gente sempre sintoniza lá na Sony/TNT/SBT para perder 3 horas de um domingo a noite vendo aquela besteira.

Depois de um ano que teve SHOW DO RADIOHEAD, a edição desse ano da premiação foi apenas desimportante. Não que a gente não tenha um pouco de simpatia pela Taylor Swift (temos até demais), mas o caso é que fica difícil fazer algo melhor depois disso. Só se você indicar o Arcade Fire a Álbum do Ano.

E, enfim, parece que o pessoal que cuida das indicações ao prêmio OUVIU MÚSICA BOA em 2010 e o resultado é uma lista de indicados – longa, como sempre – incrivelmente de acordo com o que aconteceu de bacana entre outubro de 2009 e setembro de 2010.

Sim, “The Suburbs” está indicado a Disco do Ano junto a “Recovery” do Eminem, “Need You Now” do grupo de country-pop Lady Antebellum, “The Fame Monster” da Lady Gaga e “Teenage Dream” da Katy Perry. É uma seleção até que interessante e mesmo que o Arcade Fire tenha poucas chances de levar, também não é tão fácil apontar um favorito (eu realmente não acredito que o Grammy vai premiar a Gaga, com a forte possibilidade do “Born This Way” levar ano que vem).

Além de álbum do ano, o Arcade Fire está indicado a Melhor Álbum Alternativo e a Melhor Performance de Rock Por Um Duo ou Grupo Com Vocais. Os canadenses puxam uma série de indicados mais indie-friendly, que inclui “Fuck You” do Cee Lo Green em diversas categorias (incluido Canção e Gravação do ano), Black Keys (Melhor Álbum Alternativo e Melhor Performance de Rock Por Um Duo ou Grupo Com Vocais e Melhor Canção de Rock com “Tighten Up”), Kings Of Leon (Melhor Performance de Rock Por Um Duo ou Grupo Com Vocais e Melhor Canção de Rock com “Radioactive”), Muse (Melhor Performance de Rock Por Um Duo ou Grupo Com Vocais e Melhor Canção de Rock com “Resistance”), Janelle Monáe (Melhor Perfomance Urbana/Aternativa com “Tightrope”, Melhor Álbum de R&B Contemporâneo), Florence And The Machine e Mumford & Sons como Artista Revelação e Vampire Weekend, Band Of Horses e Broken Bells em Álbum Alternativo.

Lady Gaga, Katy Perry, B.o.B., Eminem, Jay-Z e Lady Antebellum e Train dominam o resto das indicações.

De qualquer forma, já dá para esperar um show com Arcade Fire, certo? E o Cee Lo (cantando “FORGET You”) e a Janelle com o Big Boi? E os Black Keys, certo?

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

3 respostas para Arcade Fire, Cee Lo, Black Keys indicados ao Grammy

  1. Pingback: Tweets that mention Arcade Fire, Cee Lo, Black Keys indicados ao Grammy | Bloody Pop -- Topsy.com

  2. Pingback: Move That Jukebox! » A gente não postou, mas você precisa saber

  3. Vi diversas publicações que já mandaram as listas de melhores do ano (também estou preparando a minha), e talvez a única indicação que bate no âmbito especializado e mercadológico, no caso do Grammy, acaba sendo o Arcade Fire mesmo.

    Quanto ao Cee Lo, se ele ganhar provavelmente irá tocar a versão censurada da canção que, convenhamos, não tem graça nenhuma. A “Fuck You” original, por sua vez, realmente é a canção de 2010.

    Também torço bastante pela Janelle Monáe, The Black Keys e Broken Bells, mas não vou perder minha noite de domingo assistindo o Grammy. Só se, realmente, eu não tiver nada demais pra fazer!

    Abs!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s