Um mea culpa e outras coisas

Antes de qualquer coisa, queria fazer um pedido pessoal (tipo eu, Livio Vilela) de desculpas pela inconstância do Bloody Pop nos últimos meses. Minha culpa total e irrestrita. Espero imensamente que as coisas (tempo, basicamente) melhorem a partir desse post.

Dito isso…

Queria fazer um agradecimento especial ao Rafael, aka o garoto-prodígio da crítica musical brasileira, que vem mantendo o blog minimamente atualizado quase que sozinho nos dois últimos meses, com alguns dos textos que eu pessoalmente considero dos melhores que o Bloody Pop já publicou.

Além das resenhas do Rafael, outra coisa que rolou nesses primeiros dois meses de 2011 foi o fim das nossas listas de Melhores de 2010. Quer dizer, não acabou totalmente porque ainda não publicamos as nossas listas de melhores discos do ano passado, mas a lista de faixas ficou tão bacana e vocês já estão tão cansado do ano passado, que não vale ficar gastando saliva para te fazer entender porque aqueles discos são tão bons. Caso você insista, as duas listas – nacional e internacional – seguem no fim desse post.

O que dá para prometer por enquanto é que logo logo vem aí uma mixtape de axé (indie, na sexta), a melhor música brasileira do ano até agora (hoje) e o retorno das atividades do Vem Aí (com um novo calendário, com OITENTA E POUCOS DISCOS). E resenhas, entrevistas e a bipolaridade de sempre.

Agora, as listas. Como você previa, os suspeitos usuais, com uma ou outra bossa. Caso você sinta falta de textos sobre esses discos, vale dar uma procurada no histórico, especialmente na seção de Resenhas e no Repeat, onde muitos desses são analisados com a pompa e circunstância merecidas.

Os 25 Melhores Discos Internacionais

25) Maximum Balloon – “Maximum Balloon”
24) Paul Weller – “Wake Up The Nation”
23) Wavves – “King Of The Beach”
22) Spoon – “Transference”
21) Tame Impala – “Innerspeaker”
20) Foals – “Total Life Forever”
19) Ariel Pink – “Before Today”
18) Flying Lotus – “Cosmogramma”
17) Laura Marling – “I Speak Because I Can”
16) Joanna Newsom – “Have One On Me”
15) Gorillaz – “Plastic Beach”
14) Girls – “Broken Dreams Club EP”
13) Warpaint – “The Fool”
12) Grinderman – “Grinderman 2”
11) Broken Social Scene – “Forgiveness Rock Record”
10) Caribou – “Swim”
09) The Black Keys – “Brothers”
08) Janelle Monáe – “The ArchAndroid”
07) Vampire Weekend – “Contra”
06) Sufjan Stevens – “The Age Of Adz”
05) LCD Soundsystem – “This Is Happening”
04) Beach House – “Teen Dream”
03) The National – “High Violet”
02) Kanye West – “My Beautiful Dark Twisted Fantasy”

Os 25 Melhores Discos Nacionais de 2010

25) Messias – “Escrever-me, Envelhecer-me, Esquecer-me”
24) Baiana System – “Baiana System”
23) Bárbara Eugênia – “Journal De BAD”
22) Lurdes da Luz – “Lurdez Da Luz EP”
21) Pata De Elefante – “Na Cidade”
20) Jr. Black – “RGB”
19) M. Takara 3 – “Sobre Todas E Qualquer Coisa”
18) Nevilton – “Pressuposto EP”
17) Vanessa Da Mata – “Bicicletas, Bolos E Outras Alegrias”
16) Luisa Maita – “Lero-Lero”
15) Emicida – “Emicidio”
14) Karina Buhr – “Eu Menti Pra Você”
13) A Banda de Joseph Tourton – “A Banda De Joseph Tourton”
12) Thiago Pethit – “Berlim, Texas”
11) Nina Becker – “Vermelho/Azul”
10) Inverness – “Somewhere I Can Hear My Heart Beating”
09) Apanhador Só – “Apanhador Só”
08) Superguidis – “Superguidis”
07) Holger – “Sunga”
06) Mombojó – “Amigo Do Tempo”
05) Guizado – “Calavera”
04) Garotas Suecas – “Escaldante Banda”
03) Cérebro Eletrônico – “Deus E O Diabo No Liquidificador”
02) Do Amor – “Do Amor”

Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s