Os discos brasileiros mais esperados em 2009: Móveis Coloniais de Acaju

discos2009moveisestudio

Quem: Móveis Coloniais de Acaju
Disco: “C_mpl_te”
Previsão de lançamento: março na no álbum virtual da Trama, abril nas lojas
Sai por onde: Trama
O que esperar: samba, ska, punk e sons do leste europeu conquistando as massas
O que já dá para ouvir: uma primeira versão de “Sem palavras” no TramaVirtual e vídeos ao vivo de “Lista de casamento” e “Cheia de manha”

De todas as bandas da cena independente brasileira, se eu pudesse apostar em apenas uma para estourar – e estou falando aqui de grandes estouros – seria, com toda certeza, o Móveis Coloniais de Acaju. Nem Vanguart, nem Mallu, nem Holger, nem nada.

Quem já viu a banda no palco, sabe da capacidade única que eles tem para comandar a massa, e nesse ponto não falo de algumas centenas de pessoas, eu falo de milhares. Falo de casas como o Circo Voador, que lota em todo show deles no Rio com facilidade, coisa que, por exemplo, o nem Little Joy, nem o Marcelo Camelo conseguiram fazer por enquanto.

Para 2009, além dos shows, a banda prepara para tentar conquistar o Brasil com um disco também. “Idem” (2005) era um álbum OK, bom, mas eclipsado por alguns hits certeiros como “Copacabana”. Para “C_mpl_te”, a banda chamou o mítico produtor Carlos Eduardo Miranda para comandar as gravações, o que certamente só deve ter acrescentado a sonoridade da banda. Miranda é o tipo de produtor que consegue lidar muito bem com bandas grandes ou prestes a ser grandes, polindo os excessos, dando forma, como fez com o Raimundos na década passada.

O disco foi gravado entre outubro e dezembro nos estúdios da Trama em São Paulo e deve ver  a luz dos nossos HDs em março através do Álbum Virtual da própria gravadora. As lojas só recebem “C_mpl_te” no mês seguinte.

Com o espírito de criação coletiva que título já sugeria, o Móveis não fez cerimônia ao querer mostrar as gravações do disco, postando no blog durante todo processo e gravando vários vídeos, dos quais pinço alguns abaixo. Ainda é uma boa dar uma olhada nesse vídeo do URBe, sobre a última passagem da banda pelo Rio.

A matemática decrática dos Móveis

Ouvindo Miranda

Fazendo o encarte

Construindo Móveis?

Sobre Livio Vilela

Happiness Engineer at Automattic
Esse post foi publicado em Sem categoria. Bookmark o link permanente.

9 respostas para Os discos brasileiros mais esperados em 2009: Móveis Coloniais de Acaju

  1. Cara, concordo plenamente.

    Juro que não entendi pq eles não estouraram em 2008, achava o Idem tão legal…mas só a palinha do Sem Palavras já mostrou que esse vai ser um absurdo.

    Já tá mais do que na hora. wohoo

  2. _anonimo disse:

    Com certeza, esse é um dos que eu mais aguardo neste ano. Só acho que o cd vai demorar um pouco mais para sair. Encontrei o Miranda na Campus Party, ele disse que o André ainda está trabalhando nos vocais. Provavelmente o disco só saia em maio. Mas em abril, já tem o show de lançameto.

  3. rolinha disse:

    Cara, o Little Joy lotou o Circo sim, os ingressos esgotaram.

  4. Brenda Carolina disse:

    Ola gente preciso de um favor, estou tentando achar, em qualquer site ou entrevista, um numero de contato ou uma informacao de onde fica a produtora do Miranda, temos uma banda e queria muito ocntratar um produtor musical, e sempre o vi na tv, e queria entrar em contato com eles, quem souber e puder me ajudar agradeceria muito…Desde ja agradeco a disponibilidade!!

  5. Pingback: Móveis Coloniais de Acaju libera mais informações de “C_MPL_TE”

  6. Pingback: Nova do Móveis Coloniais de Acaju - “O Tempo”

  7. Tais Oliveira disse:

    Esse ano eles irão emplacar…ñ vai ter como um talento desse passar despercebido….eles são mtoo bons…
    Bem legal seu site…

    Bjs

Deixe uma resposta para _anonimo Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s